Falando sobre a adaptação escolar…

adaptação

 

“A adaptação é todo um grande período, que abrange desde as entrevistas e visitas preliminares dos pais as escolas, bem como os primeiros dias e o primeiro ano de escolarização da criança.” DAVINI (1999:45)

Bom, para começarmos, precisamos nos colocar no lugar dos estudantes e pensarmos como a chegada em uma nova escola pode ser estressante, pois se imagine num local em que esteja sozinho, não conhecendo ninguém. Como você iria se sentir? Nós, mais maduros, conseguimos compreender essas sensações novas, mas e os jovens alunos? Conseguem com facilidade?

As crianças também irão conseguir superar essas novas sensações, mas irão necessitar de superação. É importante que o adulto compreenda o que estão sentindo e as ajude a vencer esta etapa, auxiliando e incentivando, com carinho e firmeza, sem ceder a possíveis chantagens emocionais. Adolescentes e crianças tentam, incansavelmente, utilizando choros e gritos, mandar na situação e, cabe aos adultos, controlar o problema.

Lembro que a adaptação escolar não acontecerá apenas uma vez. Quando crianças, serão inseridas em berçários, creches ou na Educação Infantil, depois deverão se adaptar ao Ensino Fundamental, seguido do Ensino Médio. Mais tarde, a universidade. Por isso, é preciso ficar preparado para todas essas fases. Sabemos que as mudanças poderão ser complicadas e, para que aconteça a adaptação, família e escola precisam conduzir bem o momento. Afinal, as equipes pedagógicas das escolas também se preocupam (e muito)  com esse início.

E, se muitos pais se dizem culpados porque não conseguem ficar todo o tempo que gostariam (ou achariam ideal) com os filhos, principalmente os menores, devo contar que todas as crianças precisam passar por estas experiências, crescendo e amadurecendo com todo o aprendizado, e vivenciando o mundo da educação. Também é bom ter ciência de que as etapas vão surgir, sofridas ou não, e sua escolha por uma instituição de ensino (em quem deve confiar) vai colaborar para a harmonia e alegria nos momentos proporcionados.

NO GERAL:

No berçário

Os bebês, tão novinhos, podem até estranhar a rotina mas logo estarão tranquilos.

Na creche

Os que passaram pelo berçário se adaptarão sem problemas e os que estarão chegando agora, com o carinho das novas professoras e cuidadoras, aos poucos se sentirão confiantes e felizes. Se eles não se sentirem seguros, desconfiando das pessoas que trabalham na escola, será necessário que a mãe (ou outro familiar) fique um pouco no ambiente escolar e vá se afastando aos poucos da criança. O familiar não deve estender esse tempo pois pode se tornar superprotetor e tornar a ‘partida’ triste.

Mesmo que a família se preocupe, não deve demonstrar a angústia para que a criança não perceba a insegurança. Pelo contrário, é importante que mães e os demais falem com carinho e prazer da escola e de suas atividades.

No ensino fundamental

Começando agora com seis anos, o aluno deve ser respeitado com muito carinho, sendo tratado como uma criança. A escola deve entender essa criança, que está chegando ao fundamental, e dar tempo para adaptação do novo segmento. Algumas escolas praticam horário diferenciado para a primeira semana de aula, o que pode contribuir muito para o sucesso da mudança.

 

Para encerrar, vale trazer a reflexão sobre toda e qualquer situação nova, que pode nos tirar da zona de conforto, que é capaz de nos tirar do equilíbrio. Se podemos e conseguimos enfrentar esses momentos, as crianças, em qualquer idade, a cada geração mais preparadas, irão ‘tirar de letra’ a escola, cheia de magias e encantamentos.

Vamos tentar? Vá, tente e depois me conte aqui como foi. Beijos!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Geral

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s